“Através de” ou “por meio de”?

copertina_atraves-de

Oi, pessoal!

Quem é que já não ficou em dúvida na hora de usar as locuções “através de” ou “por meio de”? Pode parecer difícil, mas não é, por isso prestem atenção na explicação e nos exemplos.

1) através de – o vocábulo através é classificado como advérbio e significa  “de lado, de través, transversalmente, de atravessado”: ex. Hoje de manhã, vi uma grande árvore caída através da estrada.

Antes de substantivo, "através" pede sempre a preposição "de" - ex.: gosto de caminhar através dos campos.

Algumas locuções com “através de“:

a) Ver o sol através das nuvens (pelo meio de);

b) O raio passa através da matéria (por dentro de, pelo interior de);

c) O ladrão entrou na minha casa através da janela/do portão (pela janela, pelo portão);

d) Esses problemas prolongam-me através dos anos (no decorrer de com significado de “medida de tempo”);

f) Ele gosta de caminhar através de ruas e vielas (de um lado para o outro com o significado de “qualquer espaço delimitado”);

g) É importante educar os filhos através de exemplos (sentido figurado “por meio de”, “mediante”, e, neste caso, as locuções em questão seriam sinônimas).

Terão percebido que “através de” tem o significado de movimento físico, pois, no fundo, nos dá a ideia de alguém ou alguma coisa que atravessa ou se move, com exceção do último exemplo.

2) por meio de – a “locução por meio de” tem o significado de “por intermédio de, mediante, fazer uso de” e refere-se à ideia de instrumento com o qual executamos uma determinada ação.

Alguns exemplos com a locução com “por meio de“:

a) Por meio de uma chave falsa, o ladrão conseguiu abrir a porta;

b) Os presentes foram entregues por meio dos correios;

c) Eles se comunicam somente por meio de cartas;

Há alguns linguistas menos normativos que aceitam o uso de “através de” e “por meio de” nas mesmas situações. Porém, de acordo com a norma culta da língua portuguesa, as expressões em questão têm significados diferentes e devem ser usadas em modo distinto.

Até breve e bons estudos!

Cláudia Valéria Lopes

Se gostou do post, deixe um comentário! 

 

Anúncios

O que é sentir saudade?

saudade

Desde que comecei a estudar línguas (agora estou às voltas com o alemão!), sempre ouvi dizer que “saudade” figura entre os principais vocábulos no mundo para os quais é difícil encontrar um tradução perfeita e unívoca. De acordo com uma votação realizada por uma agência de tradução londrina, anos atrás, tal vocábulo coloca-se em 7° lugar na lista.

Mas o que significa exatamente sentir saudades? Segundo um dos mais famosos dicionários na língua portuguesa, Houaiss, “saudade” é: sentimento mais ou menos melancólico de incompletude, ligado pela memória a situações de privação da presença de alguém ou de algo, de afastamento de um lugar ou de uma coisa, ou à ausência de certas experiências e determinados prazeres já vividos e considerados pela pessoa em causa como um bem desejável.

saudade 2

Mas esse sentimento seria uma exclusividade dos falantes da língua portuguesa? Não acho. Afinal de contas, os sentimentos são universais. E mesmo que digam que é impossível encontrar uma tradução perfeita, não significa que nas outras línguas do mundo não existam vocábulos que tenham o mesmo significado. Vale ressaltar que o vocábulo “saudade” não pertence somente à língua portuguesa, pois deriva do latim “solitatem“, e, por isso, o encontramos em outras línguas românicas: soledad (espanhol) e soledat (catalão), que denotam, sobretudo, a nostalgia de casa, o desejo de retornar à terra natal.

A originalidade da língua portuguesa, a meu ver, foi ter estendido o termo a situações diferentes da nostalgia que temos de casa. A “saudade”, no fundo, é a expressão da dor que, em certo sentido, gostamos de sentir, “um bem desejável”. Então, por que dizem que é impossível traduzi-la? Talvez o problema esteja ligado à forma, à tradução em si. Na verdade, podemos sentir falta, isto é, sentir saudades de tantas coisas:

1 – de alguém que amamos e está longe ou ausente; 
2 – de um amigo a quem queremos bem;
3 – de alguém ou algo que não vemos há muito tempo;
4 – de lugares que visitamos ou moramos;
5 – de uma determinada comida;
6 – de situações vividas;
7 – de um grande amor que se foi;
8 – de alguém, amigo o parente, que tenha falecido.

Muitas vezes não nos damos conta, mas na nossa vida cotidiana, usamos frequentemente expressões nas quais figuram o vocábulo saudade, como, por exemplo: morrer de saudade”, “deixar saudade” e “matar saudade”:

1 – Estou morrendo de saudades do Brasil;
2 – Os anos 80 deixaram saudade;
3 – Quando eu for ao Brasil, vou matar a saudade dos meus parentes e amigos.

A expressão “matar a saudade” é usada para indicar a ausência (também temporânea) deste sentimento. Matamos a saudade quando temos nostalgia de alguma coisa, olhamos velhas fotos, falamos de um determinado assunto, revemos pessoas que estavam longe e assim por diante. No sul de Portugal, a expressão “mandar saudades”, significa enviar cumprimentos ou parabéns para alguém.

Escutem “Sintomas de saudade”, interpretada por Marisa Monte ❤

Etimologia: lat. solìtas,átis ‘unidade, solidão, desamparo, retiro’; der. do lat. sólus,a,um ‘só, solitário’, que se conservou nas línguas hispânicas, esp. soledad, port. saudade, onde ocorrem ainda as formas sodade, com monotongação au > o, e soidade com alt. au > oi; ver 2sol(i)-; f.hist. sXIII soydade, sXV saudade, sXV soidade, sXV ssuydade (Houaiss)

Até breve e bons estudos!

Cláudia Valéria Lopes

Se gostou do post, deixe um comentário!